Esse Brasil...

Como ser uma puta garota de programa:

  1. Demonstrar capacidade de persuasão
  2. Demonstrar capacidade de expressão gestual
  3. Demonstrar capacidade de realizar fantasias eróticas
  4. Agir com honestidade
  5. Demonstrar paciência
  6. Planejar o futuro
  7. Prestar solidariedade aos companheiros
  8. Ouvir atentamente (saber ouvir)
  9. Demonstrar capacidade lúdica
  10. Respeitar o silêncio do cliente
  11. Demonstrar capacidade de comunicação em língua estrangeira
  12. Demonstrar ética profissional
  13. Manter sigilo profissional
  14. Respeitar código de não cortejar companheiros de colegas de trabalho
  15. Proporcionar prazer
  16. Cuidar da higiene pessoal
  17. Conquistar o cliente
  18. Demonstrar sensualidade

retirado daqui.

Esse governo… :?

até breve…

3 comentários:

  1. Não sou especialista na área das leis mas fiquei abismada com tal descrição de "ocupação".
    Na minha concepção o corpo é uma unidade sagrada, conceder privilégios sobre ele em troca de dinheiro é uma afronta a sociedade (e a Deus).
    Classificar a prostituição como ocupação profissional é de certa forma um incentivo a prática!
    Já existem países (se não me falha a memória a Rússia e Holanda)onde os níveis de prostituição são extremamente altos justamente por causa de existirem leis que 'protegem' a prática de tal "trabalhadora".
    Essas mulheres(e homens)são expostos em vitrines, como se fossem objetos,perdendo assim toda a sua dignidade como ser humano...sem contar que correm vários riscos, como por exemplo, o abuso,a probabilidade de contrair DSTs, etc...
    Aonde vamos parar?

    ResponderExcluir
  2. Muito me preocupa a direção do nosso país, é preciso tomar uma atitude mais séria diante desses problemas sociais, eu já estou fazendo minha parte comentando e divulgando seu blog.
    Parabéns Dayvson por mais uma matéria em cima do que é interessante!
    Carlos

    ResponderExcluir
  3. Qual o problema em se regulamentar e tratar, de fato e de direito, uma prodissão que existe há tempos, dizem até ser a mais antiga do mundo.

    O que muitas pessoas não querem ver é a realidade. Preferem as prostitutas e os garotos de programa no submundo das noites peigosas, sem direitos.

    Vamos deixar de hipocrisia. A prostituiçao sempre existiu. Basta tratarmos com seriedade.

    ResponderExcluir